19/07/2020 às 07h00min - Atualizada em 19/07/2020 às 07h00min

Tribuna Cristã

Besaliel Rodrigues. Foto:Arquivo Pessoal
 
 
A política em mãos erradas 
Há tempos que as lideranças evangélicas advertem que não se deve dar legitimidade ao inimigo, pois, no passado foi ensinado que ir à praia era pecado, ver televisão era pecado e a política era coisa do diabo. Com isso, o que aconteceu? O diabo tomou posse destas coisas. Efeitos? Praia de nudismo, televisão com programação violenta e “evangelismo” satânico subliminar, política dominada por corruptos e incompetentes etc. Agora, estamos lutando para retomar os espaços “cedidos” ao inimigo por ignorância.
 
  As palavras que proferimos tem poder. O poder da palavra gera bênçãos, mas, também, gera maldição. No caso da temática de hoje, a escolha errada de representantes gera consequências nefastas para vida cristã em sociedade e para a Obra de Deus na face da Terra.
 
  Diz a Bíblia em Juízes 9.8-15: “8. Foram uma vez as árvores a ungir para si um rei e disseram à oliveira: Reina tu sobre nós. 9. Porém a oliveira lhes disse: Deixaria eu a minha gordura, que Deus e os homens em mim prezam, e iria a labutar sobre as árvores? 10. Então, disseram as árvores à figueira: Vem tu e reina sobre nós. 11. Porém a figueira lhes disse: Deixaria eu a minha doçura, o meu bom fruto e iria labutar sobre as árvores? 12. Então, disseram as árvores à videira: Vem tu e reina sobre nós. 13. Porém a videira lhes disse: Deixaria eu o meu mosto, que alegra a Deus e aos homens, e iria labutar sobre as árvores? 14. Então, todas as árvores disseram ao espinheiro: Vem tu e reina sobre nós. 15. E disse o espinheiro às árvores: Se, na verdade, me ungis rei sobre vós, vinde e confiai-vos debaixo da minha sombra; mas, se não, saia fogo do espinheiro que consuma os cedros do Líbano.”. 
 
A leitura bíblica acima se refere à “parábola de Jotão”. Este personagem é o filho mais novo de Gideão. Abimeleque, também filho de Gideão, desejou governar Israel, mas por meio da força, inclusive a qualquer custo, matando todos os seus concorrentes. Jotão, então, profere esta “parábola das árvores” para alertar o povo e avisá-lo das tramas “eleitorais” de Abimeleque. 
 
  Então, como a política sempre “cai” em mão erradas? Vejamos algumas explicações: 
 
1. Nossas omissões e egoísmos. Diz Tg 4.17: “Aquele, pois, que sabe fazer o bem e o não faz comete pecado.”. Ainda, Mt 6.33: “Mas buscai primeiro o Reino de Deus, e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão acrescentadas.”. A omissão é egoísta. É confortável ficar vendo a vida “de camarote”, sem se mexer, principalmente em matéria de política. Nossas omissões levam a política a mãos erradas. 
 
  2. O mundo jaz no maligno. Está escrito em 1 Jo 5.19: “Sabemos que somos de Deus e que todo o mundo está no maligno.”. Diz 2 Co 4.4: “nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que não lhes resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus.”
 
  3. Devemos votar em cristãos. Consta em Pv 31.8-9: “Abre a tua boca a favor do mudo, pelo direito de todos os que se acham em desolação. Abre a tua boca, julga retamente e faze justiça aos pobres e aos necessitados.”. Mas, de regra, nosso voto é seduzido por políticos mentirosos.
 
  4.  Como deve ser o político crente? Diz 1 Pe 2.12: “tendo o vosso viver honesto entre os gentios, para que, naquilo em que falam mal de vós, como de malfeitores, glorifiquem a Deus no Dia da visitação, pelas boas obras que em vós observem.”. É necessária alguma explicação?
 
  5. Por que muitos não votam em crentes? Temos em Lc 17.1-2: “... : É impossível que não venham escândalos, mas ai daquele por quem vierem! Melhor lhe fora que lhe pusessem ao pescoço uma pedra de moinho, e fosse lançado ao mar, do que fazer tropeçar um destes pequenos.”. Alguns não votam em crentes por vários motivos: Certos candidatos crentes enganam a todos. Antes, na condição de candidato, apresentam excelentes promessas e boas intenções. Recebem apoio da liderança, da igreja etc. Quando eleitos, viram as costas, não se satisfazem com seus salários e mordomias e se corrompem, não aderem às bandeiras e projetos defendidos pelas igrejas. Tudo isso entristece o povo de Deus e gera sérios prejuízos para os projetos políticos das igrejas. Os crentes ficam ressabiados. Na eleição seguinte, os irmãos pensam: “será que esse ou outro candidato evangélico não é aproveitador aventureiro, interesseiro, mentiroso? A democracia, a cidadania e a igreja em geral vivem correndo esse risco.
 
  6. Evite andar com políticos errados – Sl 1.1: Bem-aventurado o varão que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. Fuja dessas companhias, ore ao Senhor pedindo livramento. Essas pessoas são erradas, são espinheiros. Isso tem tudo para não acabar bem! Continuaremos na próxima oportunidade.
 
DESTAQUES DA SEMANA
- Pastor Besaliel Rodrigues, comentarista da Nova Revista dos Cultos das 3as feiras da AD – A Pioneira. 
- Pastor Iaci Pelaes, 1º Vice-Presidente da AD – A Pioneira, atualmente no exercício da presidência.
- Pastor Rodrigo Lima Junior, 2º Vice-Presidente da AD – A Pioneira e Diretor do Seminário SETAD.
 
LIDERANÇAS
A Nova Revista Nacional da EBD – Escola Bíblica Dominical – Mais uma notícia alvissareira para a Comunidade Evangélica do Estado do Amapá. Pela segunda vez o Pastor Oton Alencar, presidente da Assembleia de Deus – A Pioneira, é o comentarista oficial da Revista Nacional da Escola Dominical editada pela CADB – Convenção das Assembleias de Deus no Brasil, ligada à AD Igreja-Mãe de Belém do Pará. Inclusive, há duas semanas, o citado Pastor Oton foi eleito Vice-Presidente Nacional da referida CADB.
  Na primeira vez, o tema da revista comentada pelo pastor amapaense foi a Carta de Paulo aos Romanos. Agora, o Pastor Oton comenta a 1ª Carta de Paulo aos Coríntios, descortinando para nós todas as vicissitudes, embates e problemas vivenciados pela Igreja da Cidade de Corinto, nos explicando didaticamente todas as orientações que o Apóstolo Paulo escreveu àquela Igreja.
  As duas revistas mencionadas tiveram base os livros, com os mesmos temas, escritos pelo citado Reverendo. Parabéns Pastor Oton e Igreja Pioneira.
 
 
ESPECIAL
  NEWS: 01- Pastor Oton Alencar promove para todos os integrantes da igreja que pastoreia ciclo de estudos sobre “Igreja, política e cidadania”. O citado reverendo é um dos poucos líderes do país a implementar tal atitude em prol da democracia brasileira; 02- UFIADAP – Equipe Editorial da Revista (Port. 001, de 06.01.2020): Integrantes: Pr. Besaliel Rodrigues (Coordenador Geral), membros: Pr. Benedito Rodrigues e Ev. Crisleide Lima. Suplentes: Pr. Kleyzer Couglan e Missª. Otacília Filha; 02- Lema Anual da Assembleia de Deus em todo o país: Meus filhos e meus netos terão a mesma fé que eu tenho e servirão ao Senhor na Assembleia de Deus; 03- Equipe de apoio da Revista das Terças-Feiras: Revisão textual: Missª. Otacília Filha; Hinos sugeridos: Pr. Kleyzer Couglan. Versão bíblica principal utilizada na citada Revista: ARC – Almeida Revista e Corrigida; 04- Programa UFIADAP na Web TV: Todo sábado, às 19 horas, assista o Programa da Convenção de Pastores UFIADAP pelas redes sociais (Canais: Ufiadap Web TV e A Pioneira Oficial). Assista, comente e divulgue.
 
 
ESTUDOS BIBLICOS
Tema: E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará – João 8.32.
 
  Este é o versículo principal da série de estudos que serão ministrados semanalmente nos Cultos das Terças-Feiras, às 19 horas, pela Internet para todo o Brasil, diretamente do Templo Central da Igreja AD – A pioneira do Estado do Amapá. O tema geral deste 3º trimestre 2020 (julho-agosto-setembro) é “Igreja, política e cidadania” (Teologia Política), pois além de a Igreja ter por missão principal proclamar o evangelho, também tem a responsabilidade moral e social de promover o sadio exercício da cidadania de seus integrantes. Vamos, então, falar sobre isso, fazendo, inclusive, uma autocrítica a respeito da função social da Igreja.
 
  A equipe editorial da Revista agradece a Deus pela vida do Presidente da Igreja Pastor Oton Alencar por estar promovendo este ciclo de estudos, possibilitando ao seu rebanho instruções tão importantes para a promoção da cidadania de todos. Podemos afirmar que são poucos os líderes evangélicos brasileiros que possuem esta sensibilidade cristã e democrática junto aos seus liderados. Amém.
 
 
FIQUE LIGADO
Novidades da Nova Revista de Estudos dos Cultos das Terças-Feiras da Igreja AD – A Pioneira: 
 
  As ministrações semanais da nova Revista dos Cultos das Terças-Feiras serão transmitidas às terças – 19 horas, pela internet (Facebook e You Tube). O Tema Geral é “Igreja, política e cidadania”. 
 
  A Revista está trazendo as seguintes novidades. Agora, (i) cada lição traz três objetivos e isso irá cooperar para que as preleções, em todas as coordenações, campos, igrejas, grupos familiares, sigam a mesma linha de raciocínio e não haja divagações; (ii) traz duas sugestões de hinos da Harpa Cristã próximos da temática estudada; (iii) ainda traz um breve contexto histórico da leitura bíblica principal ou do assunto abordado; (iv) a conclusão do estudo dá ênfase à aplicação pessoal, para que cada irmão/ã aplique o estudo ao seu modo de vida; e (v) cada lição traz várias indicações bibliográficas para nortear aqueles que desejarem se aprofundar no assunto. Então, aproveite tudo para o seu crescimento espiritual e intelectual.



Besaliel Rodrigues
Pastor e é licenciado em História e bacharel em Direito, com mestrado e doutorado em Direito Constitucional. É professor concursado do Curso de Direito da Unifap e escritor autor da 1ª Constituição Federal comentada à luz da Bíblia.
Relacionadas »
Comentários »