19/07/2020 às 07h00min - Atualizada em 19/07/2020 às 07h00min

A festa das estrelas


A profissão de professor vai muito além de mero transmissor de conhecimentos. Inserimos vários instrumentos a nossa função e uma delas é tão maravilhosa que sempre há um espaço especial para mostrar. Contar histórias, cantar uma canção escrever uma poesia e fazer a alegria dos pequeninos que nos fazem grande em nossos pequenos gestos.

Eu como professora não sou diferente, escrevo, canto, danço, pulo me reinvento para que minhas crianças possam saborear cada desempenho artístico que posso oferecer. Quem escreve sempre conta uma história bem contada (boa leitura).

A festa das estrelas
Raul um menino curioso vivia sonhando e olhando para o céu. Em seu aniversário ganhou uma luneta de presente e passou a bisbilhotar as estrelas.

As estrelas ficaram sabendo, todas ficaram envergonhadas porque Raul as observava, logo começaram a piscar bem devagar uma atrás da outra fazendo o céu escurecer, na verdade elas estavam se escondendo.

De repente a Lua com seus raios lunares cedido pelo astro luminoso chegou perguntando o que estava acontecendo.

As estrelas contaram a Lua que na Terra havia um menino muito curioso, com um óculos diferente e ficava bisbilhotando as estrelas no céu.

A Lua por sua vez disse às estrelinhas: Vejam só que gracinha, adoro ser observada e ele é só um garotinho que quer participar da nossa alegria. A Lua continuou dizendo: Vejam como ele é persistente e sozinho, ele só quer ver o céu brilhando feito magia.
As estrelas então piscaram todas de uma vez. Raul ficou maravilhado com o céu iluminado não estava mais sozinho. As estrelas fizeram uma festa com a Lua e Raul como convidados especiais
Relacionadas »
Comentários »