26/09/2020 às 22h00min - Atualizada em 26/09/2020 às 22h00min

Poucas e Boas

Ranolfo Gato. Foto: Arquivo Pessoal.

ANÚNCIO 
A Petrobras começou o processo de venda de dois campos de petróleo localizados em águas profundas da Bacia de Campos, com a etapa de divulgação da oportunidade (teaser). Está sendo oferecida a totalidade da participação da estatal nas concessões de Albacora e Albacora Leste. Em Albacora, campo que produziu em agosto deste ano, uma de média 38,7 mil barris de petróleo e 716 mil metros cúbicos de gás por dia, a Petrobras tem a totalidade da operação.

ESTRATÉGIA 
Já em Albacora Leste, a Petrobras é operadora com 90% de participação, enquanto a Repsol Sinopec Brasil detêm os 10% restantes. O campo produziu, em agosto deste ano, uma média de 33,3 mil barris de óleo por dia e 707 mil metros cúbicos diários. A venda dos campos é parte da estratégia da empresa de comercializar parte de seus ativos. A Petrobras também anunciou a venda de sua participação de 40% na Gás Local, distribuidora de gás natural liquefeito em São Paulo, para a White Martins.

ECONOMIA 
O governo federal já economizou cerca de R$ 1 bilhão com o trabalho remoto de servidores públicos durante a pandemia do covid-19. Este valor considera a redução de R$ 859 milhões nos gastos de custeio e a diminuição de R$ 161 milhões nos pagamentos de auxílios para os servidores, entre abril e agosto de 2020. Segundo o ministério, a economia em 5 meses com diárias, passagens e locomoção chegou a R$ 471.251.670,72. A redução com serviços de energia elétrica, foi de R$ 255.547.553,27, e com cópias e reproduções de documentos foi de R$ 9.732.645,44. Os gastos com serviços de comunicação foram de R$ 89.565.596,69 e com água e esgoto, R$ 32.942.306,94. 

NORMAS
Ainda em março, o Ministério da Economia informou que orientou os demais órgãos da Administração Pública Federal sobre a autorização para o trabalho remoto com a publicação da Instrução Normativa nº 28 que estabelecia regras para a concessão do auxílio-transporte, do adicional noturno e dos adicionais ocupacionais aos servidores e empregados públicos que estejam executando suas atividades remotamente ou que estejam afastados de suas atividades presenciais. Esta instrução gerou uma economia de R$ 161.452.701,82 aos cofres públicos entre abril e agosto deste ano. Entre os adicionais impactados pela medida estão os de insalubridade, irradiação ionizante, periculosidade, serviço extraordinário e noturno.

CAMPANHA
Neste ano, a pandemia do novo coronavírus fez com que as doações de órgãos no país caíssem 40% em comparação ao ano passado. Entre janeiro e julho deste ano, foram feitos 9.951 procedimentos deste tipo. No mesmo período em 2019, o número foi de 15.827. Até 31 de julho, havia 46.181 pacientes aguardando por um transplante. Neste contexto, o Ministério da Saúde lançou durante a reunião da Comissão Intergestores Tripartite a Campanha Nacional de Doação de Órgãos 2020, com o tema da edição deste ano: "Doe órgãos, a vida precisa continuar”.

REDUÇÃO
Todo ano uma nova edição da campanha é lançada em setembro, quando é comemorado o Dia Nacional de Incentivo à Doação de Órgãos. A iniciativa de 2020 será divulgada por meio de peças promocionais em meios de comunicação entre 28 de setembro e 23 de outubro. O intuito é sensibilizar a sociedade sobre a importância desta prática. De acordo com o Ministério da Saúde, entre 2019 e 2020, a taxa de recusa das famílias à doação de órgãos reduziu levemente. Ano passado o índice foi de 39,9% entre janeiro e julho, neste ano a taxa caiu para 37,2% no mesmo período.

CONDENAÇÃO 
O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro tornou o prefeito Marcelo Crivella inelegível por 8 anos, por abuso de poder político. A sessão realizada no último fim de semana em continuação ao julgamento que havia sido interrompido por pedido de vista do desembargador Vitor Marcelo Rodrigues. Com o voto favorável ao do relator, dado logo no início da sessão, o resultado ficou em 7 x 0 contra o prefeito do Rio, condenado pela realização de um evento político ocorrido em 2018, quando funcionários públicos foram levados em carros oficiais.

INELEGÍVEL 
Marcelo Crivella foi condenado por abuso de poder político, pela participação de funcionários da Companhia de Limpeza Urbana em um encontro de apoio a seu filho, Marcelo Hodges Crivella, que concorria a deputado federal, mas não se elegeu. O prefeito também foi condenado ao pagamento de multa no valor de R$ 106 mil. A condenação à inelegibilidade pelos próximos 8 anos conta a partir de 2018. A prefeitura já havia se manifestado em nota, adiantando que o prefeito vai recorrer da decisão, que poderá ser junto ao Tribunal Superior Eleitoral.



CAPACITAÇÃO 
O Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial lançou projeto com o objetivo de capacitar trabalhadores em temas relacionados à chamada indústria 4.0. A iniciativa terá caráter experimental e será oferecida em parceria com o Ministério da Economia. No projeto está prevista a oferta de conteúdos vinculados a essa nova modalidade de indústria, baseada na coleta e no processamento de dados em alta conectividade, como por meio da Internet das Coisas, e em novas tecnologias como inteligência artificial e manufatura avançada.

SELEÇÃO 
O curso de metalomecânica, por exemplo, abordará técnicas e recursos relacionados à manufatura avançada. No de Tecnologia da Informação estão previstos conteúdos sobre programação e testes de sistemas de inteligência artificial. Poderão participar jovens de 14 a 24 anos. Segundo o Senai, o objetivo é que os cursos agreguem conhecimento para auxiliar na busca por vagas no mercado de trabalho. O projeto prevê parceria com indústrias e empresas, que disponibilizarão 280 vagas aos participantes. Seis em cada 10 alunos dos cursos saem empregados após os cursos. 

ATENTADO
Quatro pessoas ficaram feridas em um ataque com faca nas proximidades da antiga redação do jornal Charlie Hebdo, em Paris, na última sexta-feira (25). De acordo com agências internacionais de notícias, dois dos quatro feridos estão em estado grave. A polícia local prendeu dois suspeitos do crime. Imagens de redes sociais mostram que uma espécie de facão foi encontrado próximo ao local do crime. Ainda segundo as agências de notícias, autoridades pediram às pessoas que evitassem a área. 

INVESTIGAÇÃO 
Uma operação policial, à procura de outros suspeitos, continua em andamento na capital parisiense. O vice-prefeito, Emmanuel Gregoire, chegou a postar no Twitter que a polícia estava em busca de um indivíduo “potencialmente perigoso”. Por conta do ataque, o metrô de Paris continua com algumas linhas fechadas. Esta é a segunda vez que Paris é alvo de ataque. Em 2 de setembro, 14 pessoas foram a julgamento, acusadas de serem cúmplices do ataque às instalações do Charlie Hebdo, em janeiro de 2015, que matou 12 pessoas.




Ranolfo Gato
 Jornalista, radialista, comentarista esportivo, apresentador, ex-vereador, bacharel em turismo. 
Tags »
Relacionadas »
Comentários »