09/01/2021 às 22h00min - Atualizada em 09/01/2021 às 22h00min

QUANTICAMENTE FALANDO

Edinho Duarte. Foto:Arquivo Pessoal.

Neste segundo domingo de 2021, me peguei pensando! 

Fazendo uma avaliação sobre o ano passado e a pandemia de coronavírus que tivemos que enfrentar e ainda estamos enfrentando nos dias atuais.

Descobri que a COVID-19 tem uma vibração de 5.5 Hz e morre acima de 25.5 Hz.

Cheguei à conclusão que para os seres humanos com vibração mais alta, esse vírus realmente é uma gripe simples.

As razões para se ter vibração baixa pode ser: cansaço, medo, tensão nervosa, raiva e ódio. É por isso que temos que vibrar alto e não olhar constantemente para as notícias desagradáveis, para que não nos baixe a frequência.

A frequência da terra hoje é em torno 27.4 Hz, mas há lugares que vibram muito baixo como: hospitais, centros assistenciais, bares e prisões. É onde a vibração cai para 20 Hz ou menos ainda.

Observe algumas baixas vibrações causadas por determinados sentimentos como: dor, medo, irritação, ruído, orgulho, abandono e superioridade. Todos esses sentimentos estão entre 0,1 a 2 Hz.

Portanto, em vez disso, vibre em: generosidade 95 Hz, agradecimentos verdadeiros 150 Hz, compaixão 150 Hz, amor ao próximo e a todos os seres vivos 150 Hz ou mais; e amor incondicional e universal a partir dos 205 Hz.

Você sabe o que nos ajuda a Vibrar Alto?

Amar, sorrir, abençoar, brincar, pintar, cantar, meditar e caminhar ao Sol.

Portanto, faça exercício, aproveite a natureza, alimente-se com produtos que a Terra nos dá: sementes-grãos, cereais, legumes, frutas e tome água, bastante água!

E lembre-se a vibração da oração vai de 120 à 350 Hz.

A fonte original destas informações é do livro “Poder vs Força” .

Baseado na tese de doutoramento de David R. Hawkins. 

Então, em 2021, vamos vibrar em mega-hertz, vibremos em alta velocidade!





Edinho Duarte 
Jornalista, Pedagogo e ex-deputado estadual
Tags »
Relacionadas »
Comentários »