03/11/2020 às 13h29min - Atualizada em 03/11/2020 às 13h29min

TJAP integra campanha Novembro Azul e alerta para o câncer de próstata.

Tjap
Foto: Tjap

Com a chegada do mês de novembro, o Portal do Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP) recebe o lacinho  na cor azul e  a sede da Justiça iluminada na mesma cor, chamando a atenção da sociedade para a necessidade da atuação preventiva ao câncer da próstata. A campanha Novembro Azul alerta para o fato de que esta é a doença mais frequente no sexo masculino, superada apenas para o câncer de pele não-melanoma. “O Tribunal de Justiça apoia e participa de todas as campanhas mundiais e nacionais que objetivam a saúde da população”, disse o desembargador-presidente do TJAP, João Lages.

A campanha Novembro Azul, além de alertar para o câncer de próstata, motiva os homens buscarem avaliação médica regularmente. “A próstata é uma glândula do sistema reprodutor masculino, que produz e armazena parte do sêmem. O Câncer de próstata é o tumor mais comum em homens acima de 50 anos e os fatores de risco incluem idade, histórico familiar da doença, fatores hormonais e ambientais e certos hábitos alimentares (dieta rica em gorduras e pobre em verduras, vegetais e frutas), sedentarismo e excesso de peso”, disse o enfermeiro Edinaldo Siqueira, chefe do Serviço Médico do TJAP.

O tumor deste tipo de câncer pode crescer lentamente e não causar sintomas. Tumores em estágio mais avançado podem ocasionar dificuldade para urinar, sensação de não conseguir esvaziar completamente a bexiga e hematúria (presença de sangue na urina). Dor óssea, principalmente na região das costas, devido à presença de metástases, é sinal de que a doença evoluiu para um grau de maior gravidade.


Notícias Relacionadas »
Comentários »