01/06/2019 às 12h00min - Atualizada em 01/06/2019 às 12h00min

II ExpoBúfalo: Oficinas ensinarão amapaenses a escoarem produtos

Oficinas de produção de linguiça, charque e hambúrguer com carne de búfalo também estão dentro da programação.

Portal Amapá
A novidade este ano é a produção de queijo creme. (Netto Lacerda/Sejusp)

A Secretaria de Estado do Desenvolvimento Rural (SDR) divulgou que uma palestra sobre o Programa de Melhoramento Genético de Búfalos com Inovação para o Estado do Amapá, o Promebull, e duas oficinas sobre produção de queijo manteiga e queijo creme, estão entre as atividades da programação técnica da II ExpoBúfalo e I ExpoLeilão. Os eventos estão confirmados para acontecer de 26 a 29 de junho, no Parque de Exposições da Fazendinha, em Macapá.

“O objetivo das oficinas é qualificar os pequenos produtores amapaenses e mostrar a eles o potencial que este produto tem, visando otimizar a produção. Queremos que eles conheçam o modelo que foi implantado no Pará e que, hoje, é fonte de renda para a economia paraense”, frisou uma das coordenadoras técnica do evento, Ana Montagner.

Aproximadamente 20 pequenos produtores trabalham com a produção de queijo, a grande maioria no interior do Amapá. O modelo de produção e comercialização do queijo paraense também será um dos focos a serem discutidos durante as oficinas.

De acordo com o secretário de Estado do Desenvolvimento Rural, Daniel Montagner, o Amapá possui grande potencialidade para a produção do derivado de leite bubalino, mas é preciso que se crie mecanismos que ajude esse pequeno produtor a escoar tudo o que produz.

“É importante que a gente discuta com esses produtores formas de ajudá-los a comercializar com mais eficiência e qualidade tudo o que produzem. E isso passa pelo processo de melhoria nessa produção e buscar novos mercados”, apontou o titular da SDR.

Em relação ao Promebull, quem vai apresentar o programa é o pesquisador da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Dr. Ribamar Marques, responsável pelo Promebull no Pará. A implantação do programa no estado paraense, proporcionou mais qualidade na produção bubalina de leite e queijo na região do Marajó.

Oficinas

As oficinas sobre a produção de linguiça, charque e hambúrguer de carne de búfalo também devem acontecer dentro da programação da II ExpoBúfalo e I ExpoLeilão. Essas oficinas estão sob a responsabilidade da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel/AP).

Nos próximos dias devem ser fechadas outras oficinas que irão integrar a grade de programação técnica do evento.

A II ExpoBúfalo e I ExpoLeilão, integram o Circuito TecnoAgro Amapá, política de Estado para a promoção de negócios no setor primário e tem como finalidade gerar conhecimento, tecnologia, negócios e renda para o setor pecuário do Estado.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »