03/02/2021 às 12h28min - Atualizada em 03/02/2021 às 12h28min

Flordelis se torna titular de comissão da Câmara.

Página da deputada federal, que é acusada de ser a mandante do assassinato do marido, mostra que a indicação ocorreu nesta terça-feira (2).

Da Redação
Foto: Reprodução/ Instagram
A deputada federal Flordelis ( PSD), foi nomeada como titular da Secretaria da Mulher da Câmara. A informação  consta em seu perfil no site da Casa. 
 
Segundo a assessoria da deputada, a nomeação como titular da Secretaria da Mulher ocorreu de forma automática, ou seja, todas as deputadas federais são indicadas titulares da pasta. A eleição para a escolha da coordenadora da bancada ocorre tradicionalmente depois do dia internacional da mulher.

A parlamentar é ré por suspeita de participar da morte do marido, pastor Anderson do Carmo, assassinado em junho de 2019. 

Flordelis corre risco de perder o mandato de deputada porque está sendo investigada também pela Mesa Diretora da Câmara. Isso pode acontecer quando for encaminhado um relatório ao Conselho de Ética e Decoro Parlamentar.

Segundo a reportagem da Veja, a deputada ganhou um aceno de Bolsonaro, que assegurou R$ 10,1 milhões em emendas.


No dia 19 de janeiro de 2021, a Procuradoria de Justiça deu parecer favorável para afastar a deputada do cargo enquanto durar a primeira fase do processo criminal, a decisão final cabe aos desembargadores da 2ª Câmara Criminal.

Notícias Relacionadas »
Comentários »