13/06/2019 às 06h00min - Atualizada em 13/06/2019 às 06h00min

Previdência: Waldez defende reforma justa e que melhore situação fiscal do país

Chefe do Executivo amapaense cumpre agenda em Brasília (DF) onde participa da 5ª Reunião do Fórum de Governadores.

Portal Amapá
Waldez Góes discute com mais 20 chefes de Executivo os pontos divergentes da reforma da previdência para chegarem a um consenso. (Patrick Almeida / Secom)

O governador do Estado do Amapá, Waldez Góes, defende que o novo projeto da reforma da previdência tem que ser justo e melhorar a situação fiscal do país. O posicionamento está sendo colocado na 5ª Reunião do Fórum de Governadores, em Brasília (DF).

“É preciso discutir alguns pontos que prejudicam aqueles menos favorecidos e, em alguns casos, até aumentando privilégios para outros segmentos”, argumentou o chefe do Executivo amapaense na capital federal.

O governador do Amapá também deixou seu posicionamento muito claro em defesa dos professores, mulheres e a aposentadoria rural. “Tivemos a oportunidade de abordar todos esses pontos e o relator foi bastante sensível às nossas ponderações”, frisou Góes.

O relator do projeto, Samuel Moreira, comprometeu-se em revisar todas as colocações feitas pelos governadores e dar uma resposta na próxima reunião do fórum, que acontece mensalmente.

Os 21 chefes do Executivo que participam da 5ª Reunião do Fórum de Governadores estão discutindo os pontos a serem aprovados na Reforma da Previdência, a fim de que cheguem a um consenso.

Também participam do encontro o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, o presidente da Comissão Especial da Reforma da Previdência, Marcelo Ramos, e o relator do projeto, Samuel Moreira.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »