24/06/2019 às 06h00min - Atualizada em 24/06/2019 às 06h00min

Alunos são orientados quanto as práticas saudáveis na alimentação e prevenção da obesidade

Para as crianças menores, uma refeição simples, como o lanche da manhã ou da tarde, tem grande importância nutricional.

Prefeitura Macapá
Semsa realizou um ciclo de palestras com os alunos da Escola Estadual Risalva do Amaral, no bairro Pantanal, zona norte da cidade. (Prefeitura de Macapá)
A alimentação e nutrição adequada são requisitos essenciais para o crescimento e desenvolvimento de crianças e adolescentes. Para abordar a temática, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) realizou um ciclo de palestras com os alunos da Escola Estadual Risalva do Amaral, no bairro Pantanal, zona norte da cidade. A programação foi desenvolvida pelos profissionais do Programa Saúde na Escola (PSE), que orientaram os alunos quanto às práticas saudáveis na alimentação e prevenção da obesidade.
 

Quando falamos em prevenção da obesidade, estamos falando diretamente na prevenção de outras doenças como colesterol, hipertensão e diabetes, como explica a coordenadora do PSE, Ellen Suelen. “Prevenir a obesidade significa diminuir, de uma forma racional e menos onerosa, a incidência de doenças crônico-degenerativas. Por isso, nossa proposta é estimular os jovens a fazer, sempre que possível, escolhas saudáveis para a alimentação. Hoje, trouxemos vários exemplos de combinações que reduzem o risco para a obesidade”.

 

Para as crianças menores, uma refeição simples, como o lanche da manhã ou da tarde, tem grande importância nutricional. “É importante que a qualidade dos alimentos oferecidos nesses pequenos lanches, incluindo a merenda escolar, seja de bom valor nutricional, trabalhando essa prática para o ambiente escolar e familiar”, completou a coordenadora.

 

Todas as atividades são desenvolvidas com o foco no estímulo da prática de atividades física e alimentação equilibrada. Estudos do Ministério da Saúde apontam que a dieta das crianças e adolescentes tem uma elevada ingestão de bebidas açucaradas (56%), seguidas de refrigerantes (45%), salgados fritos e biscoitos. Daí a importância de incluir bons hábitos alimentares desde o início da introdução alimentar das crianças.

 

O PSE

 

O Programa Saúde na Escola trabalha no fortalecimento de ações de desenvolvimento integral de crianças, adolescentes, jovens e adultos, proporcionando à comunidade escolar a participação em programas e projetos que articulem saúde e educação. A prefeitura possui 47 equipes vinculadas à atenção básica e pactuadas ao PSE, desenvolvendo ações em 19 escolas estaduais, 31 municipais e mais 8 na zona rural, levando prevenção e promoção da saúde na escola para os educandos e comunidade escolar.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »