08/06/2021 às 21h09min - Atualizada em 08/06/2021 às 21h09min

Influenza: Terceira etapa de vacinação inicia na quarta-feira, 9, em todo o estado do Amapá

Conforme dados da Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS) até agora o Amapá vacinou 22,6% da população alvo. São 62.887 pessoas.

Ascom/Gea
Foto: Arquivo Secom

O Amapá alcança 22,6% da população alvo com a vacina contra a gripe (influenza) conforme dados informados pela Superintendência de Vigilância em Saúde (SVS). De acordo com o relatório isso representa 62.887 pessoas que receberam o imunizante nos 16 municípios do estado.

Nesta quarta-feira, 9, a campanha de vacinação entra na terceira etapa que abrange um público maior. A vacina estará disponível para pessoas com comorbidades, deficiência permanente, caminhoneiros, trabalhadores de transporte coletivo rodoviário, portuários, forças de segurança e salvamento, forças armadas, funcionários do sistema de privação de liberdade, população privada de liberdade e adolescentes e jovens sob medidas socioeducativas.
 

Mas, as pessoas pertencentes aos grupos das fases anteriores que ainda não receberam a vacina podem procurar uma Unidade Básica de Saúde (UBS) para se imunizar. 
 

A SVS, responsável pela distribuição, encaminhou 299.080 doses para todas as cidades do estado. A aplicação da vacina, assim como os locais de vacinação são responsabilidade das prefeituras e autoridades de saúde municipais.
 

Os números ainda são considerados baixos. Dorinaldo Malafaia, superintendente da SVS no Amapá, acredita que o receio da população em procurar os locais de aplicação ainda continua sendo um empecilho para que a campanha atinja os números esperados.

"Estamos vivendo um momento ímpar. A questão da pandemia de covid-19 realmente afasta a população dos locais de vacinação. Mas nós garantimos o treinamento dos profissionais e todo o cuidado com os protocolos de saúde, ou seja, a população pode procurar os locais sem medo", informou o gestor.
 

A vacinação vai seguir em todos os municípios. O dia "D" para a procura ficou a cargo das prefeituras municipais.  As autoridades de saúde recomendam um intervalo de 15 dias entre a vacina da covid 19 e da influenza.
 

Os grupos prioritários  que receberam a vacina com números atualizados até o dia 7 de junho, em números de doses aplicadas são: 

Puérperas: 1.200 - 63,4%

Crianças:  36.498 - 42,0%

Gestantes: 4.616 - 40,1%

Trabalhadores da Saúde: 7.402 39 9%

Professores: 2.377 - 19,1%

Idosos: 8.521 - 14, 2%

Indígenas: 897- 9,9%


Notícias Relacionadas »
Comentários »