28/06/2019 às 16h00min - Atualizada em 28/06/2019 às 16h00min

Idosos têm de estar alertas sobre consumo temperos prontos e bebidas açucaradas

Idosos têm de estar alertas: Com o passar dos anos, o ser humano vai diminuindo a capacidade de perceber certos sabores de alimentos.

Saúde Brasil
Com a diminuição da sensação do paladar, os idosos buscam ainda mais bebidas doces e acabam escolhendo produtos processados que abusam do açúcar em suas composições. (Saúde Brasil)

Quando o assunto é enriquecer o sabor do alimento, o negócio é investir no conhecimento da culinária. "Vale a pena conversar com amigos e familiares ou até mesmo com os feirantes para saber qual a melhor erva que combina com aquela carne ou o prato que pretende cozinhar. Também é importante maneirar no sal. Em muitas feiras livres, há bancas que vendem o sal já misturado com outros temperos naturais. É uma ótima ideia porque o sal vem em menor quantidade e o idoso acrescenta mais sabor aos alimentos por conta de várias ervas que estão ali misturadas."

Bebidas açucaradas

Com a diminuição da sensação do paladar, os idosos buscam ainda mais bebidas doces e acabam escolhendo produtos processados que abusam do açúcar em suas composições. "Quando falamos de bebidas açucaradas lembramos logo do refrigerante e do suco pronto, mas esquecemos que existem outras opções no mercado que os idosos devem evitar, como os chás prontos, por exemplo", lembra Karina. "A melhor opção é sempre o suco da fruta in natura ou o chá feito na hora, com as ervas. Se ele reparar bem no rótulo vai, ver que as bebidas prontas contêm uma quantidade abusiva de açúcar e de sódio, que não está só nos produtos salgados. Se o açúcar estiver entre os primeiros ingredientes citados no rótulo, isso quer dizer que ele está presente em grande quantidade no produto".

Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »