26/04/2019 às 12h00min - Atualizada em 26/04/2019 às 12h00min

Polícia Civil cumpre mandado de prisão de envolvido na morte de policial militar em Belém

O crime ocorreu em 31 de dezembro de 2018, no bairro da Cabanagem, em Belém.

Polícia Civil
A Polícia Civil do Pará deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva de Felipe Rosa da Silva, conhecido por ”Fefeu”, um dos envolvidos na morte do cabo da Polícia Militar, David Ortegar Lira Monteiro. (PC)

A Polícia Civil do Pará deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva de Felipe Rosa da Silva, conhecido por ”Fefeu”, um dos envolvidos na morte do cabo da Polícia Militar, David Ortegar Lira Monteiro. O crime ocorreu em 31 de dezembro de 2018, no bairro da Cabanagem, em Belém. A prisão foi realizada por uma equipe de policiais civis da Delegacia de Homicídios de Agentes Públicos vinculada à Divisão de Homicídios. Felipe Rosa da Silva participou do crime juntamente com William do Socorro dos Santos Maués, conhecido por “Olinho”.

O comparsa de Felipe morreu após trocar tiros com policiais, que tentavam prendê-lo, em janeiro deste ano. Segundo os policiais da DHAP, no dia da morte do policial militar, a vítima estava em frente à casa de amigos, localizada na rua Dom Manoel, bairro da Cabanagem. Na ocasião, dois criminosos passaram de motocicleta pelo local e efetuaram vários disparos contra o Ortegar.

Testemunhas afirmaram que, após o crime, um terceiro homem, ainda não identificado, passou no local de motocicleta e roubou a arma de fogo da vítima. A partir das investigações, Felipe Rosa da Silva foi identificado como um dos envolvidos no crime e teve o mandado de prisão expedido pela Justiça. O preso vai ficar recolhido à disposição do Poder Judiciário.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »