18/07/2021 às 10h00min - Atualizada em 18/07/2021 às 10h00min

Qual a melhor idade para aprender inglês?

Muitos pais questionam a idade certa para buscar um curso de idiomas para seus filhos. Pesquisa revela a idade ideal para a criança aprender um novo idioma

DINO
http://www.dankidiomas.com.br
crianças aprendendo na lousa


Pensando no melhor para o futuro de sua filha Mariana de 6 anos, Clélia, vendedora interna de uma multinacional, está em busca de um curso de idiomas.”Sempre penso que minha filha, embora pequena, possa ser uma profissional de carreira internacional um dia”, ela sonha.

Assim como Clélia, muitas pessoas fazem planos para seus filhos pequenos. No entanto, existe uma idade ideal para aprender um novo idioma ?

Um levantamento realizado pelo Massachusetts Institute of Technology (MIT), e publicado na revista Cognition, aponta que a idade ideal para o aprendizado de uma segunda língua é por volta dos 10 anos.“Há comprovadamente um declínio de aprendizado após essa idade”, contou Joshua Hartshorne, professor de Psicologia e co-autor da pesquisa.

Professora de inglês há 28 anos e hoje fundadora da franquia Dank Idiomas, Mariza Gottdank recorda o tempo em que começou a estudar o idioma, aos 11 anos: “Eu queria muito saber o que a Madonna estava cantando”, ela lembra. “Na época não existiam muitos recursos para a aprendizagem. Só livro e fita cassete. A música foi a minha maior inspiração para estudar inglês e eu adorava aprender as letras de música que eram distribuídas em uma escola de línguas na região em que eu morava”

Assim como a pesquisa divulgada, Mariza endossa o pico de aprendizado por volta dos 10 anos: “Dos 10 aos 12 anos, a criança/pré adolescente tem mais noções de estruturas gramaticais ao passo que os menores têm mais facilidade com os sons e imitação deles. Música e Tv são grandes estímulos para que o adolescente esteja interessado em aprender um idioma e isso geralmente acontece por volta da pré-adolescência", completa.

Embora a pesquisa aponte a idade de 10 anos como o auge do aprendizado, faixas etárias anteriores são consideradas tão importantes quanto para o desenvolvimento da criança. É o que explica Fernanda Braz, proprietária da Dank Idiomas Unidade Pará de Minas:

“O ensino de idiomas para crianças incentiva o desenvolvimento cognitivo. Em outras palavras, trabalha a capacidade de aprendizagem da criança: como ela pensa, compreende e processa informações. Com isso, desenvolve habilidades como: maior criatividade, concentração, associação, solução de problemas e principalmente a memória”, explica Fernanda. “Além disso, a criança já cresce familiarizada com todos os sons de ambas as línguas, tornando o aprendizado cada vez mais fácil e rápido.”

Ainda que praticar o bilinguismo desde cedo traga benefícios para o desenvolvimento das crianças e adolescentes, é válido lembrar que aprender algo novo em qualquer idade aumenta a auto-estima e ativa o cérebro, evitando no futuro doenças como o Alzheimer e outras. 


 

Notícias Relacionadas »
Comentários »