21/07/2021 às 20h18min - Atualizada em 21/07/2021 às 20h18min

Principal executor de uma facção criminosa e seu comparsa morrem em confronto com a Rotam em Santana/Ap.

Caso ocorreu no bairro Jardim de Deus em Santana.

Da Redação
Foto:Rotam/Reprodução
Na noite de terça-feira (20), dois faccionados morreram em confronto com policiais da Rondas Ostensivas Táticas Motorizadas (Rotam) em uma residência localizada no bairro Jardim de Deus, em Santana.

Um dos faccionados foi identificado como Rogério Neves Monteiro, de 23 anos, o ‘Rogerinho’, que estava com dois mandados de prisão em aberto o seu comparsa estava sem documentos.

Segundo a Rotam, moradores da região denunciaram a comercialização de drogas no local e a presença de homens armados.

“Deslocamos duas viaturas para o bairro Jardim de Deus no sentido de apurar as denúncias. Assim que as equipes se aproximaram houve uma dispersão do grupo, mas esses dois marginais decidiram confrontar as guarnições efetuando vários disparos. Os policiais se abrigaram e no revide cessaram a injusta agressão alvejando a dupla”, explicou o capital Valdir Barbosa, do Batalhão de Operações Especiais (Bope).



Com os criminosos foram apreendidos um revólver calibre 38 e uma pistola calibre Ponto 40.

Ainda segundo a Rotam, Rogerinho tinha a função de "executor" na organização criminosa e era o encarregado de eliminar os inimigos das facções rivais.

Notícias Relacionadas »
Comentários »