13/09/2021 às 11h09min - Atualizada em 13/09/2021 às 11h09min

Campeonato de Skate Street é realizado na orla do Santa Inês em Macapá/Ap

O evento reuniu modalidades femininas e masculinas e foi promovido pelo Macapatur e Comel.

Ascom/PMM
Foto: Ascom/PMM

Neste sábado (11), a Prefeitura de Macapá, por meio do Instituto Municipal de Turismo (MacapaTur), Coordenadoria Municipal de Esporte e Lazer (Comel) e Associação de Skate do Amapá (ASKAP), realizaram o 19° Campeonato de Skate Street. A competição aconteceu na praça de skate, localizada na orla do bairro Santa Inês.

Com 32 atletas inscritos dos municípios de Macapá e Santana, a competição teve 4 categorias: iniciante, amador, feminino e best trick [melhor manobra]. O campeonato se mostrou incentivador para o público que prestigiou o evento. Pessoas das mais diversas faixas etárias assistiam atentas as manobras executadas pelos atletas.

“A Prefeitura de Macapá é um grande elo entre a população e o esporte, estamos abraçando o Skate. Aqui no evento temos pessoas de diferentes idades, do mais jovem ao mais velho, apoiando um esporte que é amado e admirado por muitos, o Skate está em alta, a prova disso é essa praça lotada”, ressalta Cleudo Trindade, coordenador municipal de Esporte e Lazer. 

Para o presidente da ASKAP, Gilvane Pontes, estar em parceria com o MacapaTur e a Comel favorece a visibilidade e o incentivo dessa modalidade dentro do município.

“O skate precisa dessas iniciativas do poder público para se desenvolver, amadurecer nossos jovens, entregar uma cidade mais segura, porque o esporte salva vidas e isso é importante. Todos podem buscar por parcerias, para proporcionar uma vida mais digna para nossos os jovens”, completou o Gilvane.


 

Premiação
Conhecida como Kaká entre os skatistas e amigos, a atleta Karine Patrícia ganhou o 1° lugar Feminino. Em 2° lugar ficou a pequena Lívia Botelho, chamada de ‘francesinha do skate’, que tem apenas 8 anos e participa pela primeira vez de uma competição. 

Karine Patrícia vê com grande importância o título estadual que conquistou, mas sentiu falta de outras meninas na competição.

“Espero que as meninas que andam de skate vejam como motivação para andar cada vez mais na pista, e que também façam o skate feminino crescer e acontecer. Queremos mais meninas no próximo campeonato”, diz a campeã.

Para Gabriel Miranda, campeão da categoria best trick, após as Olimpíadas houve um crescimento da procura pelo skate. Segundo ele, estão surgindo principalmente meninas.  

“Apesar de ter participado de muitos campeonatos, é uma sensação sempre única poder participar de uma disputa, ainda mais na minha cidade, perto dos meus amigos e minha família. Eu cresci aqui, então, me cobro mais, pois sei que existem pessoas ao meu redor que me admiram e por isso dou meu máximo sempre, é muito gratificante acertar as manobras e ouvir o pessoal vibrando”, conta Gabriel Miranda.



O diretor/presidente do Macapatur, Benicio Pontes, acredita que a modalidade tira as crianças da ociosidade, incentivando o envolvimento com o esporte.

“Aqui em Macapá, o Skate é praticado na praça do Santa Inês, em frente ao maior rio do mundo, e acaba se misturando com a bela paisagem que nossa capital tem. É um privilégio que motiva ainda mais”, disse.

 

Próxima competição
Na segunda-feira (13), às 16h, no aniversário do Mercado Central, haverá outro campeonato de skate, dessa vez será em formato diferente. Trata-se de um Game of Skate. 

Será um game onde os atletas disputam apenas manobras de solo [sem obstáculos], a competição é classificatória, eliminando por dupla, restando o que realizar as melhores manobras.


Notícias Relacionadas »
Comentários »