07/10/2021 às 13h30min - Atualizada em 07/10/2021 às 13h30min

Sem Casemiro e Neymar, Brasil inicia nova rodada das Eliminatórias

Meia foi vetado de última hora e não participará dos outros jogos, enquanto camisa 10 cumpre suspensão

Com informações do Metrópoles
Foto: Lucas Figueiredo/CBF

A Seleção Brasileira dá início a mais uma rodada das Eliminatórias nesta quinta-feira (7/10). O primeiro compromisso de Tite e seus comandados será diante da Venezuela, no Estádio Olímpico em Caracas.

Com ampla vantagem na liderança da corrida por uma vaga na Copa, o treinador se permitiu fazer algumas alterações, no entanto, foi obrigado a fazer duas por obrigação, estas últimas em peças consideradas fundamentais desde o início de seu trabalho.

Neymar está suspenso por conta de um cartão amarelo minutos antes do fim da partida contra o Peru, mas estará disponível para as partidas contra Colômbia e Uruguai.

No entanto, Tite viu Casemiro ter que deixar a Seleção por conta de um problema dentário. Os dois são praticamente intocáveis no esquema estabelecido pelo técnico.

Nesta última quarta, ele revelou qual time irá a campo. O Brasil começará com: Alisson, Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Guilherme Arana; Fabinho, Éverton Ribeiro, Gerson e Lucas Paquetá; Gabigol e Gabriel Jesus.


Alisson reassume a titularidade após um período intercalado entre Ederson e Weverton. Arana assume a vaga que era de Alex Sandro, da Juventus, em um tom quase experimental por parte do treinador. Fabinho, do Liverpool, terá a dura tarefa de assumir o lugar de Casemiro.

Daí para frente, o treinador aposta em três peças que deram muito certo nos últimos testes. Éverton Ribeiro, Gerson e Lucas Paquetá não só cumpriram a função tática de marcar no meio de campo, mas que também deram opções na hora da criação.

Gabigol e Gabriel Jesus reeditam a parceria que atuou na campanha do ouro durante as Olimpíadas de 2016. Jesus é outro jogador que pertence ao clube dos jogadores que estão desde o início do trabalho de Tite. O atacante do Manchester City volta a atuar depois de ser expulso nas quartas de final da Copa América diante do Chile.

O atacante do Flamengo, em grande fase, parece ter garantido uma maior confiança com o treinado. Apesar de ainda não ter balançado as redes, Gabriel Barbosa deve chegar para o duelo contra a frágil Venezuela, lanterna da competição, com uma fome de gol maior que a habitual.

Venezuela e Brasil jogam às 20h30. A Selção Brasileira é a 1ª colocada, com 24 pontos. São 8 vitórias em 8 jogos. Os venezuelanos tem apenas 4 pontos e ocupam a última colocação.

 




 

Notícias Relacionadas »
Comentários »