11/07/2019 às 12h00min - Atualizada em 11/07/2019 às 12h00min

Polícia Civil prende homem com arma e munições em Vitória do Jari

O suspeito espontaneamente indicou onde estaria uma arma de fogo, tipo espingarda, calibre 20, juntamente com munições, em seu quarto.

PC
Uma equipe da Polícia Civil se deslocou até a residência do suspeito e fez campana no local para fazer varredura para verificar a quantidade de moradores ou a existência de meliantes conhecidos da Polícia. (Polícia Civil do Amapá)

Em cumprimento a um mandado de busca e apreensão expedido pelo juiz da Comarca de Vitória do Jari, uma equipe da Polícia Civil se deslocou até a residência do suspeito e fez campana no local para fazer varredura para verificar a quantidade de moradores ou a existência de meliantes conhecidos da Polícia.

Ao analisarem o local e contando com uma equipe de um agente policial, um oficial e o Delegado Titular da Unidade abordaram o morador, exibindo a ordem do juiz e na presença de duas testemunhas iniciaram o cumprimento do mandado.

O suspeito espontaneamente indicou onde estaria uma arma de fogo, tipo espingarda, calibre 20, juntamente com munições, em seu quarto.

Ainda em diligências pela casa foram encontradas mais munições em um móvel na sala da residência.

Conduzido o suspeito até a Delegacia ele confessou a propriedade da arma de fogo, bem como das munições, e respondeu pela prática de outros crimes como ameaça e praticar ato de abuso a animais silvestre (ainda em apuração) e imediatamente foi instaurado Auto de Prisão em Flagrante para apurar o crime em todas as suas circunstâncias.

Informou o Delegado de Polícia Carlos Alberto, que: “É comum as pessoas do Vale do Jari possuírem armas de fogo tipo espingarda para a caça, porém na medida que tais pessoas as utilizam para ameaçar, roubar ou praticar outros crimes a Polícia tem que agir com mais rigor e apreender tais armas antes que crimes mais graves ocorram”.

Alertou ainda o Delegado que a posse ou porte de arma de fogo, mesmo aquelas de caça e para subsistência, é regulado por decreto e quem não tiver autorização ou em desacordo com determinação legal ou regulamentar poderá ser preso em flagrante.

Os moradores de Vitória do Jari podem contar com o “Dique Denúncia”, através do telefone (96) 99154-4989, em que o anonimato é garantido ao denunciante. Pelo aplicativo Whatsapp é permitido anda encaminhar fotos e vídeos.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »