02/12/2021 às 15h41min - Atualizada em 02/12/2021 às 15h41min

DTE apreende 1,5 mil comprimidos de ecstasy em Macapá/AP.

De acordo com o Delegado Sidney Leite, a droga havia chegado em Macapá para abastecer as festas clandestinas de música eletrônica que estão sendo marcadas para o final do ano.

Polícia Civil
Foto: Polícia Civil
Na noite desta quarta-feira, 1, a Polícia Civil do Amapá, através da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), apreendeu 1500 comprimidos de ecstasy.

De acordo com o Delegado Sidney Leite, a droga havia chegado em Macapá para abastecer as festas clandestinas de música eletrônica que estão sendo marcadas para o final do ano.

"A droga foi apreendida na posse de dois irmãos. O irmão mais velho e que era o dono da droga foi preso primeiro na posse de 200 comprimidos. Ele estava em via pública e tentou fugir dos Policiais Civis quando foi abordado, tendo, quase, atropelado propositalmente um dos Policiais. Depois de prendê-lo, os Policiais foram até a casa do irmão mais novo e lá encontrou o restante do material", disse o Delegado.

O Delegado informou ainda que, há menos de dois meses, a DTE esteve nessa mesma casa e prendeu um dos irmãos deles com, aproximadamente, 100 comprimidos de ecstasy.

Os presos são jovens de classe média que estão se envolvendo com drogas sintéticas visando lucro fácil.

A DTE continuará intensificando as investigações nessa área principalmente por conta das festas clandestinas que estão sendo
organizadas na cidade.

Os dois presos serão encaminhados à audiência de custódia.

Notícias Relacionadas »
Comentários »