19/07/2019 às 18h00min - Atualizada em 19/07/2019 às 18h00min

Departamento de Gestão de Pessoas e Escola Judicial iniciam tratativas sobre o processo seletivo de estagiários em 2019

O processo seletivo anterior, realizado em 2017, teve seu prazo encerrado no final de junho.

TJAP
Atualmente utilizando provas, o processo seletivo deste ano poderá ser feito com base nas médias acadêmicas contidas nos históricos. (TJAP)

O Tribunal de Justiça do Amapá, por meio do Departamento de Gestão de Pessoas, e a Escola Judicial do Amapá iniciaram as tratativas para a realização do processo seletivo para estagiários de nível superior. Para este ano foi debatida a mudança no modelo de seleção. Atualmente utilizando provas, o processo seletivo deste ano poderá ser feito com base nas médias acadêmicas contidas nos históricos. A proposta vai ser apresentada ao diretor da EJAP, desembargador Carlos Tork. O processo seletivo anterior, realizado em 2017, teve seu prazo encerrado no final de junho.

De acordo com o diretor do Departamento de Gestão de Pessoas, Diego França, o novo formato de seleção tem como um dos objetivos prestigiar todo o histórico acadêmico dos estudantes. “Além de proporcionar uma economia, esse modelo irá certamente ter reflexo positivos nos cursos, fazendo com que o corpo discente das universidades conveniadas estejam em constante esforço para manter boas notas, impactando na avaliação das instituições junto ao Ministério da Educação”, argumentou.

A próxima reunião entre as equipes técnicas está marcada para o dia 26 de julho. Na ocasião serão definidos os critérios que serão adotados para a seleção de estagiários por meio das médias acadêmicas.

As inscrições serão iniciadas em agosto, e o resultado do processo seletivo está previsto para a primeira quinzena de setembro.


Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »