23/05/2022 às 15h40min - Atualizada em 23/05/2022 às 15h40min

Patrulha Maria da Penha e Inclusão Digital são pautas da reunião entre TJAP e nova comandante da PM-AP

TJAP
Foto: TJAP
Na manhã desta segunda feira (23), o presidente do Tribunal de Justiça do Amapá (TJAP), desembargador Rommel Araújo, recebeu a nova comandante da Polícia Militar do Amapá (PM-AP), coronel Heliane Braga, em visita institucional ao TJAP. Durante a visita foram abordados assuntos como: a Patrulha Maria da Penha, combate ao assédio dentro da corporação e acessibilidade digital nos batalhões e quartéis da PM.

De acordo com a comandante, coronel Heliane Braga, os dados de violência contra mulher no Amapá ainda são alarmantes. “Infelizmente, as estatísticas mostram que o estado do Amapá é um dos últimos a adotar a Patrulha Maria da Penha. Esse tipo de policiamento é essencial para prevenir a violência contra mulher”, explica a comandante.

Na oportunidade, o desembargador-presidente solicitou à comandante a implementação de redes WI-FI próximos a postos policiais para atender às necessidades da população que necessita de internet (hot spot). “Muitos precisam de acesso à internet, seja para fazer um trabalho da escola/faculdade ou acessar um serviço público – ou até mesmo a Justiça. A inclusão digital é necessária”, pontuou o desembargador.

Ao final, o presidente Rommel Araújo ressaltou a relevância de ter uma mulher no comando da Polícia Militar do Amapá e destacou que a ascensão abre portas para outras mulheres terem seu espaço dentro segurança pública e quebrar paradigmas. “Quando uma mulher ascende ao poder todas as mulheres se sentem representadas”, ressaltou o magistrado.

Para a comandante Heliane Braga, a responsabilidade aumentou ainda mais, pois ela continua sendo mãe, esposa, filha e agora comandante da Polícia Militar, mas se sente totalmente capaz de exercer a função da melhor forma. “Fui escolhida pela minha competência, passei no concurso para Oficial da Polícia aos 19 anos e me sinto preparada para atuar no comando da PM-AP”, finalizou.

Os desembargadores Adão Carvalho e Jayme Ferreira também participaram da visita da comandante da PM, a sede do TJAP.


Notícias Relacionadas »
Comentários »