16/06/2022 às 12h04min - Atualizada em 16/06/2022 às 12h04min

Motoristas poderão receber até 40% de desconto em multas de trânsito em Macapá

Medida está disponível para aqueles que aderirem ao Sistema de Notificação Eletrônica (SNE).

Ascom/PMM
Foto: Arquivo/PMM

A Companhia de Trânsito e Transportes de Macapá (CTMac) orienta os motoristas para os descontos de 20% e 40% sobre o valor das multas recebidas, que podem ser pagas sem sair de casa. A medida está disponível para aqueles que aderirem ao Sistema de Notificação Eletrônica (SNE), disponível no aplicativo da Carteira Digital de Trânsito (CDT).

A ferramenta possibilita ao usuário receber notificações detalhadas de todas as infrações cometidas. Ao optar pelo desconto de 40%, o motorista reconhece a infração e abre mão da defesa prévia e possibilidade de recursos, recebendo um código de pagamento automaticamente.

As multas de trânsito poderão ser pagas nas agências e aplicativos do Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, além das casas lotéricas. A baixa da infração no sistema acontece logo após a confirmação do pagamento.

“Para ter direito aos 40% de desconto é necessário pagar a multa antes do vencimento, caso contrário, será cobrado o valor integral. É importante que todo motorista baixe o aplicativo CNH no celular, é uma forma segura de ter seus documentos sempre à mão e tem a mesma validade dos documentos impressos”, explica o diretor-presidente da CTMac, Andrey Rêgo.
 

Conheça os tipos de infração e o valor das multas:

  • Infração leve: 3 pontos na CNH e multa no valor de R$ 88,38.
  • Infração média: 4 pontos na CNH e multa no valor de R$ 130,16.
  • Infração grave: 5 pontos na CNH e multa no valor de R$ 195,23.
  • Infração gravíssima: 7 pontos na CNH e multa no valor de R$ 293,47.

 

Serviço
Multas também podem ser pagas de forma presencial, no prédio da CTMac, localizado na Rua Minas Gerais, nº 32, bairro Santa Rita. O atendimento ao público é realizado de segunda a sexta-feira, das 8h às 14h. O motorista deve apresentar o número da placa e renavan do veículo.


Notícias Relacionadas »
Comentários »