04/07/2022 às 18h59min - Atualizada em 04/07/2022 às 18h59min

Brasileiros que lutavam na Ucrânia morrem após bombardeio russo atingir alojamento

Douglas Búrigo conseguiu sair do local a tempo mas voltou para resgatar a colega Thalita do Valle

R7
Foto Acervo Pessoal

Os brasileiros Douglas Búrigo, de 40 anos, e Thalita do Valle, de 39, que lutavam na guerra na Ucrânia como voluntários, morreram no último sábado (2), durante um ataque russo em Kharkiv, no norte do país.

Douglas morava em São José dos Ausentes, no Rio Grande do Sul, e estava na Ucrânia havia pouco mais de um mês. Thalita era advogada e participou como bombeira voluntária nos desastres de Brumadinho e Petrópolis. Os dois chegaram a servir o Exército brasileiro.

Em meio aos ataques russos no território ucraniano, o alojamento em que estavam foi bombardeado. De acordo com relatos dos companheiros, Douglas conseguiu sair, mas um míssil atingiu o local quando voltou para resgatar a colega.

Em um texto publicado no Facebook, a mãe de Douglas relata a dor dos familiares ao receberem a notícia da morte de seu filho.


Notícias Relacionadas »
Comentários »