07/02/2020 às 09h00min - Atualizada em 07/02/2020 às 09h00min

500 candidatos são chamados para entrega documental do Residencial Miracema.

Governo do Amapá realiza processo de chamada da lista principal no período de 17 de fevereiro a 13 de março.

Ascom - GEA
O Conjunto Habitacional Miracema contemplará 1.500 moradias e 10 aparelhos sociais. Foto: Arquivo/Secom
 

Os processos para entrega do Residencial Miracema avançam. O Governo do Amapá convoca 500 candidatos aptos para morar no habitacional para a entrega documental. Essa etapa ocorre no período de 17 de fevereiro até 13 de março.

O responsável familiar, conjugue ou companheiro, precisa ir à Coordenadoria de Habitação da SEINF, na Av. Fab, 1256, Centro, com os seguintes documentos:

  • RG;
  • CPF;
  • Certidão de Casamento ou de Nascimento;
  • Folha de resumo do Cadastro Único atualizado com número do NIS;
  • Comprovante de residência com no mínimo 6 meses ou declaração de domicílio assinada por duas testemunhas sem vínculo de parentesco;
  • Comprovante de renda do responsável familiar;
  • Pessoas com deficiência precisam apresentar laudo médico ou atestado que comprove sua deficiência com CID.

“Este é um passo importante para o ingresso das famílias ao residencial Miracema. São pessoas que não têm água tratada, infraestrutura digna para morar e seus filhos sequer podem brincar sem correr riscos, porém, agora terão um espaço que vai melhorar a qualidade de vida destes moradores”, disse o secretário de Estado da Infraestrutura, Alcir Matos.


Notícias Relacionadas »
Comentários »