11/02/2020 às 22h10min - Atualizada em 11/02/2020 às 22h10min

​Gibson Góes Aguiar, de 37 anos, foi morto com 4 tiros nesta terça-feira (11).

Ele era uma pessoa muito conhecida e muito querido na região.

Da Redação
Foto:Reprodução/WhatsApp
O crime aconteceu dentro de uma loja no centro comercial de Macapá. Segundo testemunhas,um atirador de aparência bem jovem que não usava nada para cobrir o rosto, desferiu 4 disparos acertando todos na vitíma. O cambista ainda tentou se defender jogando uma impressora contra o assassino, mas de nada adiantou, ele deu continuidade e todos os disparos atingiram o corpo da vítima.

O criminoso trajava camiseta vermelha e contou com a ajuda de um comparsa que o esperou para a fuga, em uma motocicleta de cor azul e placa NES 3006, estacionada na Avenida Mendonça Furtado.

Gibson foi socorrido por amigos, mas não resistiu e morreu antes da chegada da ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). 

De acordo com o tenente Paulo Santos, do 6º Batalhão da PM, as câmeras de segurança dos estabelecimentos comerciais próximos de onde o homicídio ocorreu ajudarão a identificar os envolvidos. Segundo o tenente, os criminosos não levaram nada, caracterizando uma execução.

Notícias Relacionadas »
Comentários »