14/07/2020 às 11h00min - Atualizada em 14/07/2020 às 11h00min

Policia Civil alerta para o golpe de pessoa de renome no Amapá.

Da Redação
Foto: Reprodução
A Policia Civil alerta os amapaenses para golpe da "pessoa de renome", quando o criminoso cria um perfil nas redes sociais com a foto de alguém conhecido para conseguir dinheiro de uma vítima. Esse tipo de golpe tem se tornado frequente no Amapá. No mês de junho, a Polícia Civil registrou 15 denúncias da fraude.

A forma de agir é sempre a mesma. O golpista copia fotos de uma determinada pessoa de renome da cidade, tais como médicos, advogados, dentistas, servidores públicos, pessoas conhecidas na Internet, acessando a rede social da vítima.

De posse da foto, ele compra um chip pré-pago do Estado em que ele irá praticar o golpe e adiciona a fotografia da pessoa de renome no perfil dos aplicavos WhatsApp e Telegram ou cria um perfil falso no Facebook.

Posteriormente o golpista acessa os sites de compra e venda e simula estar interessado em determinado produto, se fazendo passar pela pessoa que está no perfil da rede social. Durante a transação, ele envia um comprovante de transferência bancária falso para o celular da vítima e, amparado no prestigio da pessoa do perfil que ele se faz passar, solicita a entrega do objeto a um comparsa.

O golpista também pode enviar mensagens aos parentes e amigos da pessoa de prestigio e solicitar empréstimos e transferências bancárias urgentes. Geralmente a conta de destino está situada em outro Estado da Federação.

Dicas para não cair no golpe:

A PC alerta que, para não cair no golpe, é necessário tomar alguns cuidados. Nunca entregue um objeto que está vendendo pela internet sem verificar a compensação do dinheiro na conta bancária. Não transfira dinheiro a parentes ou pessoas conhecidas se a solicitação se der por meio de um número desconhecido, apesar da foto da pessoa conhecida estar no perfil do aplicativo.

Geralmente o golpista afirma para à vítima que “mudou de número”. Sempre faça as checagens necessárias, inclusive ligando para a pessoa que solicitou o empréstimo de urgência para efetuar o reconhecimento de voz.
As contas bancárias são de estados como São Paulo, Goiás e Ceará. A corporação orienta o cidadão sempre checar se a transação bancária foi confirmada na conta, nunca acreditar em pedidos de empréstimos sendo feitos por meio de números desconhecidos e ligar ou pedir uma mensagem de voz a pessoa que solicitou a quantia.

Caso tenha sido vítima, procurar a Delegacia de Polícia Civil mais próxima da sua casa e registrar o Boletim de Ocorrência.

Notícias Relacionadas »
Comentários »