16/07/2020 às 15h12min - Atualizada em 16/07/2020 às 15h12min

​Mulher acusada de atrair vítimas para serem roubadas por facção é presa em Macapá

Da Redação
Foto:PC/Capturas.
A equipe de Capturas, da Polícia Civil do Amapá, prendeu, por volta das 10h da manhã, Raylana Rodrigues Moraes, ela é acusada de atrair vítimas para serem roubadas por facção criminosa. 

Raylana, que estava escondida em Santarém, vinha sendo monitorada pela PC- Equipe de Capturas e, assim que colocou os pés em Macapá, foi presa.

As primeiras informações são que as ordens para os crimes partiam de dentro do Instituto de Administração Penitenciária do Amapá (IAPEN). A prisão aconteceu na Ponte do Gugu, no bairro Perpetuo Socorro.

A mulher está sendo enquadrada no artigo 157 do Código Penal Brasileiro, onde: “Subtrair coisa móvel alheia, para si ou para outrem, mediante grave ameaça ou violência a pessoa, ou depois de havê-la, por qualquer meio, reduzido à impossibilidade de resistência”. E pode pegar de 04 a 10 anos de reclusão, além de pagamento de multa




Notícias Relacionadas »
Comentários »