22/07/2020 às 17h30min - Atualizada em 22/07/2020 às 17h30min

Aprendizagem em Casa: Governo e Alap oficializam programação educativa da rede pública de ensino

Conteúdos diários estão sendo apresentados desde o dia 15 de julho. O sinal da TV Assembleia abrange toda a região metropolitana, que inclui Macapá, Santana e Mazagão.

Ascom - GEA
O Termo de Assinatura foi assinado entre Estado e Alap nesta quarta-feira, 22. Foto: Erich Macias

O Governo do Estado e a Assembleia Legislativa do Amapá (Alap) firmaram, nesta quarta-feira, 22, a parceria para a transmissão de conteúdos audiovisuais pedagógicos por meio da TV Assembleia. Trata-se de uma TV educativa com programação destinada a estudantes durante o período de isolamento social devido à pandemia de covid-19.

Desde 15 de julho, o sinal é transmitido para a região metropolitana, que inclui Macapá, Santana e Mazagão, e a programação é veiculada de 8h às 12h e de 14h às 18h.

A ação busca garantir a continuidade do processo de aprendizagem dos estudantes com alternativas de ensino não presencial e, assim, reduzir os impactos da pandemia na educação pública.

De acordo com o presidente da Alap, deputado Kaká Barbosa, a TV Assembleia cumpre um papel importante em contribuir com o ensino de estudantes de todo o estado. Ele acredita no surgimento de outros novos projetos voltados à educação no Amapá.

“Essa parceria é muito importante para a sociedade amapaense e, principalmente para os estudantes do nosso estado. Podemos, ainda, discutir novos projetos como o de revisão mensal dos alunos, mas teremos a oportunidade de seguir nessa programação, independentemente da pandemia se prolongar”, disse o presidente da Alap.

A transmissão das aulas pela TV Assembleia acontece por meio do canal aberto – 57.2. Todas as aulas já foram produzidas e estão prontas a serem exibidas. Aproximadamente 76% dos estudantes do estado serão alcançados.

De acordo com a secretária de Estado da Educação, Goreth Sousa, a parceria é mais um instrumento para que o ensino alcance o máximo de estudantes nesse período de pandemia. Ela defende que é importante manter ambientes de aprendizagem através de uma programação educativa.

“Estamos vivendo um momento desafiador para a educação pública no país, então precisávamos nos reinventar e buscar alternativas de oferecer aos estudantes a oportunidade de seguir no processo de aprendizagem. Daí a importância dessa parceria com o poder legislativo e nós ficamos extremamente agradecidos por isso”, comentou.


Além da Tv Assembleia, atualmente, a Seed desenvolve o portal Aprendizagem em Casa (www.nte.ap.gov.br/aprendizagememcasa), que reúne plataformas como a Escola Virtual (E-Virtual), ambiente que integra o Sistema Integrado de Gestão da Educação (SigEduc), Escolas Conectadas, entre outras, disponibilizando milhares de conteúdos e ferramentas educacionais para os estudantes amapaenses.

Para os estudantes que não possuem acesso à internet, a secretaria disponibilizou atividades pedagógicas não presenciais distribuídos pelas escolas.


Notícias Relacionadas »
Comentários »