24/07/2020 às 15h35min - Atualizada em 24/07/2020 às 15h35min

Covid-19: Um dos maiores traficantes de drogas do País é solto por risco de contaminação.

Da Redação
Foto:Arquivo/EBC
Por ser hipertenso e estar no grupo de risco para o coronavírus, a justiça concedeu a prisão domiciliar  a um dos maiores traficantes internacionais de drogas do País. Suaélio Martins Leda foi liberado da penitenciária de Mirandópolis, município localizado a 594Km da grande São Paulo. 

O detento passará 60 dias cumprindo a pena em sua casa. A decisão é do desembargador do TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) França Carvalho, atendendo um pedido de habeas corpus da defesa de Leda.

O traficante era chefe de  uma quadrilha que mandava droga escondida em contêineres para a Europa pelo porto de Santos, o principal porto da América Latina. 

Há indícios de que Suaélio tenha relação com o doleiro Alberto Yousseff, para lavagem de dinheiro, pois na operação que o levou para cadeia a polícia encontrou em um cofre vários papéis indicando ligação entre os dois.

Notícias Relacionadas »
Comentários »