27/07/2020 às 10h00min - Atualizada em 27/07/2020 às 10h00min

Notícia boa: irmãs de 94 e 95 anos se recuperam da Covid-19 em casa.

Família encarou como um milagre e diz ter motivos de sobra para agradecer a Deus.

Da Redação
FOTO: REPRODUÇÃO/TV BAHIA.
Dona Laurentina da Conceição, de 95 anos e Dona Narcisa da Conceição, de 94 anos, se recuperam em casa do novo Coronavírus, no município de Feira de Santana, na Bahia. Para a família o fato das duas não terem precisado de atendimento médico foi encarado como um milagre. 

A primeira a sentir os sintomas da doença foi Laurentina. Ela sentiu dores no corpo, perdeu o apetite e além da Covid-19, foi diagnosticada com dengue.

A irmã mais nova também fez o teste e a família descobriu que Narcisa, que é cega e não anda mais, foi a primeira a pegar a doença.

As duas irmãs são muito unidas e desde criança, são acostumadas a fazer quase tudo juntas. 

A filha de Dona Laurentina, a costureira Maria Eugenia relata que o susto foi grande ao receber o diagnóstico da mãe, “Minha pressão subiu de tanta preocupação, pelas idade dela, fiquei muito preocupada. Eu só pedi ao senhor, eu pedi a Deus que se ele tivesse que levar ela, que não levasse com esse diagnóstico de Covid-19". 

“Foi difícil, mas eu procurei o máximo não entrar em pânico. As pessoas até olhavam com preconceito, teve mais preconceito do que cuidado, porque, só em falar, as pessoas já de distanciavam", disse Cristina Conceição, trabalhadora doméstica, filha de Laurentina.

A família das idosas diz ter motivos de sobra para agradecer a Deus por esse milagre.

Notícias Relacionadas »
Comentários »