31/07/2020 às 09h45min - Atualizada em 31/07/2020 às 09h45min

Inadimplência durante a pandemia: o que pode ser feito para diminuir esse indicador?

Nas crises econômicas, a inadimplência passa a ser uma preocupação presente dentro das corporações. Por esse motivo, a Odontoclinic criou um plano de ação para minimizar danos e apoiar os seus franqueados

DINO
https://www.franquiaodontoclinic.com.br/
Unidade de Vila Maria (SP)


A crise causada pela COVID-19 está além da saúde. Uma vez que os reflexos do isolamento social resultam em um menor faturamento nas empresas, muitos brasileiros perderam seus empregos ou fonte de renda por trabalho informal.

O resultado? No mês de abril o percentual de famílias endividadas bateu recorde dos últimos dez anos, segundo a PEIC, Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor, divulgada pela CNC, Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismos.

Com 66,6% das famílias com contas em aberto, o cenário torna-se preocupante. O que empreendedores podem fazer, então, para facilitar processos e fazer com que o pagamento de seus bens e serviços continuem sendo prioridade para usuários?

Solucionamos problemas

Carlos Leão, CEO da Odontoclinic, rede de franquias para tratamento odontológico, explica que existem várias dicas que podem ser úteis e ajudar nessa questão. Nesse cenário, um trabalho em conjunto do marketing e vendas pode ajudar - e muito.

“Para nós, o primeiro passo é entender a situação do cliente. Temos feito lives e programas de treinamento para capacitar nossos franqueados e criar esse ‘feeling’. É preciso se colocar no lugar do outro, entender o que está acontecendo para, então, seguir”, aponta. De modo geral, destravar e conduzir um pagamento em atraso demanda muita empatia, paciência e, claro, boas condições. 

O segundo passo, então, é formalizar tudo o que foi acordado. “Como estamos abrindo negociações, é preciso ter controle maior, por questões de organização. Isso facilita a execução e também o entendimento de todos”, comenta. E, para ajudar nisso, a Odontoclinic oferece um sistema de gestão para seus franqueados capaz de integrar e acompanhar todos os detalhes. 

Comunicação

Para a Odontoclinic, um bom relacionamento só pode ser consolidado a partir da transparência. Por esse motivo, o contato com os clientes tem sido constante.

“Temos campanhas e ações que reforçam nossa marca. Mostramos que estamos presentes nesse momento. Somos amigos do nosso paciente. Por isso, além de olhar cada caso com carinho, também estamos dando dicas de saúde e disponibilizando mais canais de atendimento”, diz Carlos.

Por fim, o CEO deixa uma dica para os empreendedores: “por mais difícil que seja vivenciar uma crise, o momento também proporciona reavaliação. É hora de repensar o funcionamento, realizar adequações e colocar como prioridade medidas de atenção relacionadas à biossegurança e proteção de todos que circulam pela clínica - de funcionários e doutores a pacientes”, pontua. “Implementar as seguintes alterações com antecedência permitem um retorno tranquilo, assim como realizar com calma possíveis reparos”, finaliza Carlos.

Equipe unida

Com mais de 200 clínicas em todo o Brasil, contando com mais de 2500 profissionais da área, a Odontoclinic apoia futuros franqueados em diferentes pilares: de estratégias de divulgação à implantação do consultório. Neste momento, não seria diferente.  Saiba mais: https://www.franquiaodontoclinic.com.br/

Notícias Relacionadas »
Comentários »