31/07/2020 às 12h40min - Atualizada em 31/07/2020 às 12h40min

Polícia Civil prende motorista de aplicativo com 4 kg de crack.

O homem guardava e transportava drogas para grupo de traficantes.

Polícia Civil
Foto: Polícia Civil
Nessa quinta-feira, 30, a Polícia Civil do Estado do Amapá, por meio da Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE), prendeu um homem de 28 anos de idade, em flagrante, na posse de, aproximadamente, 4 (quatro) quilos de crack.

A droga foi encontrada dentro de uma mochila escondida no quarto do acusado, no bairro Infraero I.

De acordo com o Delegado Sidney Leite, o homem preso faz parte de um grupo que tem trazido drogas de outros estados para o Amapá.

“Ele, como tantos outros que a Polícia Civil tem prendido ultimamente com drogas, atuava como motorista de aplicativo. Mas, as investigações demonstram que ele ganhava dinheiro trabalhando para grupo de traficantes, seja transportando e guardando a droga do grupo, seja levando os próprios integrantes do grupo de um lado para outro”, destacou o Delegado.

O Delegado informou ainda que essa droga é do mesmo grupo que foi preso na quarta feira (29), preparando e aumentando o volume do crack em panela de pressão, numa casa situada no bairro Cidade Nova.

“Depois da prisão de ontem, o grupo mudou a localização da droga duas vezes, tentando impedir a sua apreensão pela Polícia Civil. A equipe da DTE ficou quase que, de forma ininterrupta, tentando localizar o destino da droga, antes que ela chegasse às ruas. Ao todo foram apreendidos quase 6 (seis) quilos de crack em menos de 24 horas”, finalizou Leite.
Notícias Relacionadas »
Comentários »